Programa UPP Social é apresentado em conferência em Nairobi

21 maio 2012 | Notícias | Território: Vidigal, Turano, Tabajaras / Cabritos, São João, São Carlos, Santa Marta, Salgueiro, Providência, Pavão-Pavãozinho / Cantagalo, Nova Brasília, Mangueira, Macacos, Formiga, Fazendinha, Fallet / Fogueteiro / Coroa, Escondidinho / Prazeres , Complexo do Alemão, Complexo da Penha, Cidade de Deus, Chapéu Mangueira / Babilônia, Borel, Batan, Andaraí

O coordenador da UPP Social, Tiago Borba, participou, na última semana, de uma oficina do programa “Safe and Friendly Cities for All”, uma iniciativa da ONU-Habitat, ONU-Mulheres e do Unicef para promover cidades mais seguras para mulheres e crianças. O programa deverá ser implantado a partir do ano que vem no Rio e em outras seis cidades, todas da América Latina ou África: Tegucigalpa, São José, Marrakesh, Manilla, Dunshabee e Nairobi.

O evento foi realizado em Nairobi, no Quênia, onde fica a sede da ONU-Habitat, parceira da prefeitura do Rio no programa UPP Social. Durante a conferência, o coordenador do programa apresentou a UPP Social como um exemplo de experiência bem sucedida em centros urbanos.

“Foi uma boa oportunidade de apresentar, internacionalmente, uma metodologia, a UPP Social, que em muito pouco tempo, através do  foco em territórios e ações integradas, já produz resultados concretos”, avalia Tiago Borba.

O organizador da conferência, Juma Assiaga, da ONU-Habitat, acredita que o Rio será uma referência para as demais cidades participantes. Além de Tiago, participaram representantes da Unicef e da ONU-Mulheres no Rio.

 

TODO O CONTEÚDO DESTE WEBSITE ESTÁ LICENCIADO SOB A CC ATTRIBUTION 3.0 BRAZIL, EXCETO QUANDO ESPECIFICADO EM CONTRÁRIO E NOS CONTEÚDOS REPLICADOS DE OUTRAS FONTES.